• Editorial

Descobre o novo capacete do Miguel Oliveira!

Quando entrevistamos o Sylvain Monichon, o designer dos grafismos no Shark Race R Pro GP que o Miguel Oliveira usa, foi-nos dado a entender que havia uma surpresa em vista para Portimão. Na altura, não avançámos muitos detalhes porque queríamos respeitar a ordem natural das coisas e publicar este artigo no momento certo. Por isso, estamos muito orgulhosos de partilhar em detalhe o capacete de Miguel Oliveira para o Grande Prémio 888 de Portugal.

Para sermos totalmente francos, estamos deliciados. É complexo e com muitos detalhes e, ao mesmo tempo, simples e ameaçador. Ao longo do seu tempo no MotoGP, o estilo dos capacetes do Miguel Oliveira foi sempre muito sóbrio, com o azul escuro predominante.


Desta vez, a mensagem é clara: o Falcão abriu as asas.

fotografias: Rob Gray (polarity photo)



Obviamente, aproveitamos a nova oportunidade para falar com o Sylvain da HighRes Design e fazer algumas perguntas:


Como nasceu esta ideia?

“Imaginei este desenho especialmente para o Miguel. Pensei no ponto em comum que tinha com um dos seus patrocinadores e achei que era uma relação óbvia. O apelido de Miguel é Falcão, que se tornou a sua alcunha e a sua assinatura; e o seu principal patrocinador, a Red Bull: "Dá-te asas"... A combinação era perfeita! Foi assim que surgiu o desenho do "FALCÃO". Quis fazer algo diferente com as asas, diferente daquilo a que estamos habituados a ver; um pouco mais contemporâneo."


Que indicações deu o Miguel?

Apenas um pequeno detalhe: para modificar a cor do "bico", entre os olhos do Falcão e a viseira do capacete, que torna o Falcão mais realista. Posso estar a antecipar-me, mas senti que este desenho evocava muitas coisas e memórias no Miguel.

fotografias: Łukasz Świderek


"Foi uma grande satisfação para mim provocar isto, porque confirma que o desenho tocou o Miguel; mais do que apenas ser bonito. Gosto de apresentar os meus desenhos cara-a-cara, ou pelo menos por telefone, para conseguir perceber a primeira reação dos pilotos quando vêem o meu trabalho. Ver os olhos brilhantes, ou ouvir os "wahouuuuuu..." são as mais belas recompensas para o trabalho do Designer.”


Qual foi o maior desafio?

“O Design em padrões geométricos. Com penas feitas em efeito grelha é um enorme trabalho de detalhe. O desafio era tratar de forma geométrica os detalhes do falcão. Foi difícil conjugar tudo e ser um design agressivo.”


É muito difícil ser diferente e criar detalhes que os pilotos não identificam em capacetes de outros. As referências são tantas, que Sylvain procura sempre ter algo original e para o qual não exista nenhuma referência.


“O meu desejo era ter um design integral em padrão, um pouco diferente daquilo que é feito no design de corrida”


Onde achas que este capacete vai levar o Miguel?

“Penso e espero que Miguel nos dê a mesma demonstração magistral do ano passado! Com Johann e o Iker em segundo e terceiro lugares. O desempenho de Miguel no ano passado foi digno de uma corrida de Marc Marquez, em que ele literalmente esmagou toda a concorrência. Mal posso esperar por domingo!”


Este capacete é uma obra de arte e assenta muito bem no Miguel e no seu espírito lutador. Gostaríamos de o ver correr com ele mais vezes em vez de apenas uma aparição especial em Portimão, pois achamos que este design tem uma aura especial e transporta muito carácter. Continuamos a adorar todos os capacetes do Miguel, obviamente - basta estar na cabeça dele - mas é inegável a energia positiva que este capacete emana. Dedos cruzados para esta corrida, força Miguel! Seja de 1º, 10º ou ultimo, estamos contigo!


Para terminar, uma nota de agradecimento dos editores deste blog, ao grupo "Miguel Oliveira e MotoGP "Fórum" Português" e ao Miguel Costa - o administrador do grupo com mais de 70000 membros! - que ajuda a elevar a imagem do Miguel Oliveira e do Moto GP de forma informativa, opinativa e correcta, baseada na partilha de informação. É sem dúvida um prazer debater de forma construtiva, com os milhares de membros que, diariamente, partilham a sua paixão e ajudam a elevar este desporto, pelo qual somos apaixonados, no nosso país.


É esse o combustível do projecto moto, e aquilo que nos motiva a procurar estas histórias, do mundo das duas rodas, e tentar levá-las ao máximo número de pessoas. É um hobby que levamos muito a sério. Se nos quiserem apoiar, sigam-nos no Facebook ou no Instagram do Projecto Moto, para receber em primeira mão as nossas histórias.


Entrevista e edição

Miguel Alexandre e José Costa

Posts recentes

Ver tudo